Compartilhe este texto

Lionel Messi votou em Neymar para melhor do mundo

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

17/01/2022 18h05 — em
Esportes



SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Para Lionel Messi, o melhor jogador de 2021 foi Neymar. Como capitão de sua seleção, o argentino teve direito a um voto na eleição da Fifa para o principal jogador da temporada. Ele escolheu, pela ordem; Neymar, Kylian Mbappé e Karim Benzema.

O colégio eleitoral da entidade que comanda o futebol mundial foi composto pelos capitães e técnicos das equipes nacionais e um jornalista de cada país.

Neymar recebeu três votos como o melhor do mundo. Thiago Silva, capitão do Brasil, e Selvaraj Vengadasalam, técnico da seleção de Laos, também o escolheram.

Na lista do treinador argentino Lionel Scaloni, Neymar ficou em terceiro. As escolhas de Tite foram Robert Lewandowski, Mohamed Salah e Karim Benzema.

Em evento realizado nesta segunda-feira, o polonês Lewandowski conquistou o prêmio de melhor do mundo pelo segundo ano consecutivo. Ele venceu a concorrência de Messi e Salah, os outros dois finalistas.

O último brasileiro a ser escolhido pela Fifa foi Kaká, em 2007. Desde então, Neymar foi finalista duas vezes. Ficou em terceiro em 2015 e 2017.

Entre os três finalistas, Salah e Lewandowski, capitães de Egito e Polônia respectivamente, votaram em Jorginho, volante brasileiro naturalizado italiano, como melhor da temporada.

Nenhuma atleta do Brasil foi citada na eleição feminina, vencida pela espanhola Alexia Putellas, do Barcelona. Mas ela não recebeu os votos de Pia Sundhage e de Marta, respectivamente treinadora e capitã da seleção.

Para Marta, a melhor da temporada foi a atacante sueca Stina Blackstenius. Pia votou na atacante holandesa Vivianne Miedema.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Esportes

+ Esportes