Lewis Hamilton chega em Ímola com conjunto rosa e rouba a atenção

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

30/10/2020 11h34 — em Esportes

SÃO PAULO, SP (UOL-FOLHAPRESS) - Cheio de estilo, o recordista da Fórmula 1 Lewis Hamilton chegou para os treinos do Grande Prêmio de Ímola, na Itália, com um conjunto ousado na cor rosa e chamou a atenção dos que passavam por ali.

Para manter a sua postura antirracista e protestar contra o assassinato de pessoas negras, Hamilton usou uma máscara com a frase "Black Lives Matter" - vidas negras importam, em inglês. A F-1 proibiu o uso de camisetas no pódio após protestos do piloto.

Além das mensagens de protesto em suas roupas, Hamilton também decorou o carro com algumas frases usadas pelo movimento negro.

O estilo do piloto, que possui uma grife que leva seu nome, foi parar no Twitter da competição, que disse que "Hamilton estava lá para alegrar a sexta-feira".

Apesar de ter seu estilo frequentemente elogiado pelos fãs, no início de outubro, o ex-chefe da Fórmula 1 Bernie Ecclestone criticou a maneira jovial que Hamilton tem de se vestir. As críticas começaram porque o piloto ativista do movimento negro está perto de bater o recorde do alemão Michael Schumacher.

"Basta ver a maneira que Hamilton se veste. Se eu não soubesse que ele é piloto, nunca saberia. Bastava olhar para Schumacher e Piquet para saber o que faziam. Estavam vestidos para o papel", disse ele.