Compartilhe este texto

Diretor da CBF explica conflito de calendário

Por Folha de São Paulo

01/03/2024 15h00 — em
Esportes



SÃO PAULO, SP. E RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) - O diretor de seleções da CBF, Rodrigo Caetano, justificou a entidade não ter aceitado o pedido dos clubes para paralisar o Campeonato Brasileiro durante a Copa América.

Caetano explicou que há uma "limitação absurda de datas" no calendário. A Copa América, que será realizada entre os dias 20 de junho a 14 de julho nos Estados Unidos, pode fazer clubes brasileiros perderem jogadores convocados por, pelo menos, sete jogos —as rodadas 12 a 18 do Brasileiro.

Ele acrescentou que não vê como conflito a agenda dos clubes e da seleção brasileira. O diretor destacou que a prioridade no calendário é para partidas organizadas pela Fifa e pela Conmebol antes dos jogos dos torneios administrados pela CBF.

Caetano deu as declarações na convocação de Dorival para a Data Fifa de março. O técnico fará a sua estreia no escrete canarinho no dia 23, contra a Inglaterra, em Wembley, e depois enfrenta a Espanha no dia 26, em Madri.

"Temos uma limitação absurda em relação a datas. Todos sabem como é montado o calendário anual. Prioridade de datas para Fifa, depois Conmebol, depois CBF? Estão faltando dias no ano para contemplar tudo isso. A verdade é essa. Com absoluta certeza de que tudo que foi e será possível ser feito, o nosso diretor fará. Temos limitações que fogem até da condição da CBF", afirmou Caetano. "Não vejo como conflito. A seleção sempre vai ser a seleção brasileira. Nunca foi conflitante e nem a CBF aos clubes e muito menos às competições que ela mesma administra. Não vejo por esse lado, não podemos cair nesse discurso, na minha visão. Campeonato Brasileiro tem sua importância e a seleção e a Copa América idem."

O QUE MAIS RODRIGO CAETANO DISSE

Ideal x possível

"Acho que a CBF já se manifestou oficialmente. Esse é um assunto diretamente relacionado à diretoria de competições do nosso diretor Julio Avelar. Só faço uma consideração porque até pouco tempo atrás estava em clube e quando a gente está em clube tem por natureza ter uma visão muitas vezes visando o benefício do clube, o que é natural e legítimo. Mas existe ideal e o possível.

Reivindicação dos clubes

"Vale ressaltar também que pouco tempo atrás, quando eu ainda estava em clube, sempre reivindicamos a parada durante as datas Fifa e isso já ocorreu. Já avançamos nesse sentido. Só que tem uma hora que… Lamentavelmente o torneio continental também teve uma data a mais. De forma impositiva, a Fifa determinou que os clubes da Conmebol vão entrar em uma fase anterior, não na semifinal. Por tudo isso que estou falando, volto ao dizer que existe o ideal e o possível".

Recusa ao pedido

"A diretoria de competição às vezes vai além do possível. Volto a dizer que respeitamos o pleito dos clubes, mas infelizmente nesse caso, principalmente neste ano, não dá para atender na plenitude o desejo deles. Isso foi devidamente explicado não só no posicionamento da CBF, mas na nota da diretoria de competições".


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Esportes

+ Esportes