Siga o Portal do Holanda

Campeonato brasileiro

Palmeiras vacila no fim, empata com o Grêmio e cai para terceiro

Publicado

em

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - No primeiro dos três confrontos que Palmeiras e Grêmio farão em sequência, não houve vencedor. Em Porto Alegre, as duas equipes empataram por 1 a 1 neste sábado (17), em Porto Alegre, em duelo válido pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Pior para o time de Felipão, que vencia o jogo até os 42 minutos do segundo tempo, quando sofreu o empate. Com o resultado, a equipe paulista caiu para a terceira posição do Campeonato Brasileiro, com 30 pontos, empatada com o Flamengo. O time carioca tem uma vitória a mais.

Além disso, os palmeirenses podem ver o Santos voltar a abrir cinco pontos de vantagem. Neste domingo (18), o líder do torneio visita o Cruzeiro. O time alviverde não vence há seis rodadas.

O Grêmio, por sua vez, ganhou mais duas posições na tabela e aparece em 12º, distanciando-se cada vez mais da zona de rebaixamento.

Na próxima terça-feira (20), Palmeiras e Grêmio voltam a se enfrentar, desta vez, no duelo de ida pelas quartas de final da Taça Libertadores. A partida também será no Sul.

Por causa deste jogo, os dois times pouparam vários de seus titulares neste sábado. Com mais opções em seu elenco, o Palmeiras começou melhor.

O Grêmio teve quase 70% da posse de bola no primeiro tempo, mas foi o Palmeiras quem controlou o jogo. O time de Felipão fechou bem os espaços na defesa e explorou os contra-ataques, como costuma ser a principal tática do treinador.

O time paulista conseguiu nove finalizações contra apenas três dos donos casa. Essa diferença de poder ofensivo se refletiu no placar logo aos 13 minutos, quando Dudu anotou um tento após linda jogada individual, pela direita.

Foi a nona vez que o camisa 7 balançou as redes nesta temporada. Ele tem cinco gols no Campeonato Brasileiro, no qual é o artilheiro do Palmeiras.

A equipe alviverde criou ainda mais três chances reais de gol na etapa inicial e poderia ter virado o primeiro tempo com uma vantagem mais confortável se tivesse calibrado a pontaria.

Envolvido pelo adversário, o Grêmio pouco conseguia levar perigo para Weverton, recém-convocado por Tite para defender a seleção brasileira.

Na volta do intervalo, o Grêmio aos poucos conseguiu equilibrar o jogo até chegar ao gol de empate. Enquanto os visitantes não conseguiam mais encaixar os contra-ataques, o time gaúcho dava trabalho a Weverton.

O goleiro nada pôde fazer aos 42 minutos, quando David Braz acertou um chute com rara felicidade, de longe, e empatou: 1 a 1.



GRÊMIO

Júlio César; Léo Moura (Luciano), Paulo Miranda, David Braz e Bruno Cortez; Rômulo e Darlan (Patrick); Pepê, Thaciano e Luan (Everton); Diego Tardelli. T.: Renato Gaúcho



PALMEIRAS

Weverton; Mayke (Marcos Rocha), Antônio Carlos, Gustavo Gómez e Victor Luís; Thiago Santos e Matheus Fernandes (Bruno Henrique); Hyoran, Raphael Veiga e Dudu (Ramires); Borja. T.: Luiz Felipe Scolari



Estádio: Arena do Grêmio, em Porto Alegre

Juiz: Wagner do Nascimento Magalhaes (RJ)

Auxiliares: Luiz Claudio Regazone (RJ) e Silbert Faria Sisquim (RJ)

VAR: Emerson de Almeida Ferreira (MG)

Público e renda: 12.897 pagantes e R$ R$ 485.858

Gols: Dudu (Palmeiras), aos 13 minutos do primeiro tempo; David Braz (Grêmio), aos 42 minutos do segundo tempo

Agenda oculta de Bolsonaro: acabar com a Zona Franca de Manaus

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.


Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.