Siga o Portal do Holanda

Esportes

Chefe da Rusada vê avanço em visita de especialistas da Wada em laboratório russo

Publicado

em

O chefe da Agência Antidoping da Rússia (Rusada, na sigla em russo), Yuri Ganus, afirmou nesta sexta-feira que vê um avanço com a visita de especialistas da Agência Mundial Antidoping (Wada, na sigla em inglês) a um laboratório em Moscou, que iniciou o processo de coleta de informações na última quinta. Estes dados poderão envolver muitos atletas russos em casos antigos de uso de substâncias proibidas.

"É claro que estamos satisfeitos", disse Ganus sobre o acesso da Wada ao laboratório na capital russa. "Eu não vejo outro caminho se a Rússia quiser se unir totalmente aos esportes mundiais", prosseguiu o dirigente. "Nós olhamos para isso de forma positiva, mesmo que seja apenas o fato de que o acesso foi concedido".

A Rússia perdeu o prazo, que se encerrava em 31 de dezembro passado, para entregar as informações, o que significa que a sua agência antidoping poderá sofrer sanções da organização internacional.

Apesar dos protestos de atletas e organizações esportivas, a Wada levantou em setembro a suspensão para a Rusada, desde que os dados fossem entregues até 31 de dezembro. Uma delegação da Wada que visitou o país no mês passado saiu com as mãos vazias, pois as autoridades de Moscou alegaram que seu equipamento não era certificado pela lei russa.

Embora o prazo tenha expirado, a Wada disse que poderia aceitar a cooperação da Rússia antes de uma decisão ser tomada pelo seu comitê sobre a Rusada na próxima semana. Moscou também deve permitir o acesso a amostras armazenadas para que sejam analisadas antes de 30 de junho.

Países ocidentais e entidades esportivas criticaram a postura da Wada por permitir que a Rússia apresentasse as informações após o prazo. Uma delegação anterior da agência deixou Moscou em dezembro sem a documentação.

A Wada busca informações até 2015, quando descredenciou o laboratório russo. Após investigações, a agência afirmou que o laboratório escondia rotineiramente casos de doping de centenas de desportistas russos. A Rússia foi finalmente punida e restrições foram impostas à participação de atletas russos na Olimpíada de Inverno do ano passado, em Pyeongchang, na Coreia do Sul.

O que Bolsonaro vem fazer em Manaus

Para compartilhar esteconteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.


Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.