O “traficante de mentira”

Por Portal do Holanda

17/11/2014 10h03 — em Policial

 

Inovação no tráfico surpreende os policiais no Rio de Janeiro, no morro Faz Quem Quer , em Rocha Miranda.

Os criminosos daquela área usavam o “espantalho do tráfico” , eles vestiam manequim com casaco, gorro, capuz, óculos escuros e penduravam no peito dele um fuzil falso, feito com um pedaço de madeira, assim foi encontrado pelos policiais.

O objetivo dos traficantes era intimidar policiais e criminosos de facção rivais que pretendiam invadir a comunidade. Os PMs desconfiaram da farsa quando avançavam pela comunidade e o espantalho não tentava fugir.

O clima do Faz Quem Quer é sempre de tensão pela guerra com traficantes da Serrinha, na zona norte, os confrontos se tornaram mais intensos quando, há dois anos, Leonardo da Costa , o Leo 22, migrou do Faz Quem Quer levando com ele dez fuzis: O Disque-Denúncia oferecia R$ 20 mil pela captura do suspeito, mas Leo 22 se entregou neste mês alegando que temia ser morto pelos antigos comparsas.