Empresário perde dinheiro com marketing por falta de conhecimento, diz cofundador da RD Station

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

21/09/2021 15h35 — em Economia

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A maioria dos donos de pequenos negócios sabe do potencial dos investimentos em marketing digital, mas, por não entender como tirar proveito dessas oportunidades, investe errado e acaba frustrada e traumatizada, diz o empresário André Siqueira.

Um dos criadores da RD Station (antiga Resultados Digitais), startup de automação de marketing que foi comprada pela Totvs em março por R$ 1,86 bilhão, Siqueira está lançando o livro "Máquina de Aquisição de Clientes" pela editora Gente para ensinar leitores quais os canais para atrair consumidores e vender mais a partir da internet.

Siqueira apresenta em seu livro uma abordagem sistemática que inclui uma lista de 20 canais para chegar ao consumidor e explicações sobre relacionamento com o cliente antes e depois da compra. Trata de temas como marketing de conteúdo, rankeamento de resultados no Google, parcerias com influenciadores digitais e conceitos como custo de aquisição de cliente ou product market fit, fazendo a ressalva de que não existe uma ferramenta perfeita para todos.

"Tem muita gente falando sobre marketing digital, vendendo fórmula mágica que funcionou em uma situação específica. Quis oferecer um ponto de partida para quem quer saber como avaliar cada metodologia dessas", afirma.

Entre os riscos de adotar o marketing digital sem preparo, segundo Siqueira, está investir alto em propaganda em buscadores ou redes sociais mas não ter retorno, por se gastar mais até conseguir uma nova venda do que se lucra com ela. "Muitas vezes o empresário queima dinheiro em canais que são bons, por não saber fazer esse investimento", afirma.

Uma das abordagens indicadas com frequência por Siqueira, e adotada largamente pela RD Station, é a do marketing de conteúdo, ou seja, ter um canal para atrair o consumidor em busca de informações relacionadas ao universo da empresa.

O empresário afirma que o papel do negócio é sempre ajudar o cliente. "Em alguns momentos, ele precisa do produto, em outros, busca conhecimento ou diversão", diz.

Siqueira indica que empresários aprendam a medir o impacto de cada ação e canal adotado na internet para definir sua estratégia. Porém, faz a ressalva de que não é apenas pelo número de vendas que se mede o sucesso.

Uma parte dos investimentos em marketing serve para tornar a empresa conhecida, outra parte é para se relacionar com consumidores e mantê-los fiéis, além do objetivo de fechar as vendas.

"Se nas redes sociais você só quer vender e vender, as pessoas param de interagir. Por outro lado, se é um canal de relacionamento, um meio campo que prepara o gol, pode funcionar muito bem."

Neste momento em que o marketing digital se tornou mais complexo e com mais ramos de especialização, a quantidade de profissionais ainda é escassa, afirma Siqueira. "Não existe startup em desenvolvimento que não tenha como desafio encontrar pessoas para colocar em prática suas estratégias. Sobram vagas", afirma.

Siqueira, que deixou seu cargo executivo na RD Station em 2020, diz que seus ganhos com o livro serão doados para a ONG Gerando Falcões.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Economia