.
Siga o Portal do Holanda

Economia

Coronavírus está reafirmando necessidade de reformas econômicas, diz Guedes

Publicado

em

Os mascarados


O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou neste sábado, 4, que a crise do coronavírus está reafirmando a necessidade de reformas econômicas no Brasil como forma de estabilizar o caixa da União. "Essa crise de calamidade pública é um exemplo agudo de emergência fiscal", disse em live com líderes varejistas.

De acordo com o ministro, medidas que estão sendo tomadas pelo Executivo para amortecer a crise, como envio de mais recursos a Estados e municípios, já estavam contempladas em planos do governo anteriores ao início da pandemia, como o pacto federativo. "Em nosso pacto federativo, havia protocolo de emergência fiscal", afirmou.

Guedes defendeu que o País caminhava na direção certa, com ajuda de todos os poderes, antes de ser abalado pela pandemia e seus impactos. "Mas vamos manter o foco. Precisamos sair da crise com mais investimentos e menos impostos sobre a geração de empregos", afirmou. "Hoje desestimulados, tributamos."

Sistema democrático

O ministro da Economia disse que as coisas no Brasil estão acontecendo apesar de opiniões contrárias, a despeito do quadro atual pelo qual passa o País. Segundo ele, o Brasil está num ciclo diferente de outras nações mundiais, citando que, internamente, o setor privado está preservado.

Ele afirmou em Live com varejistas que o Brasil tem vários recursos à sua disposição. "É um sistema democrático. O 'pau come' todo dia, mas estamos fazendo, tendo apoio. O Brasil tem democracia testada, já enfrentou moratória, recessão e agora essa pandemia. A economia segue inabalável. Os poderes estão colaborando, não interessa quem joga pedra contra. As coisas estão acontecendo", disse.

Assim que o Brasil superar essa fase, Guedes disse que a ideia é avançar nas reformas. "Quando a saúde der o sinal de bandeira verde, vamos avançar profundamente nas reformas, aprofundando de forma a retomarmos o crescimento", avaliou.

Coronavírus no Planalto

O ministro Paulo Guedes ainda disse que todos os integrantes do governo federal que contraíram a covid-19 fizeram novos testes e já se recuperaram. Apenas da comitiva que acompanhou o presidente Jair Bolsonaro em visita oficial aos Estados Unidos, 23 pessoas testaram positivo para a doença, incluindo autoridades como o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno.

Guedes disse que está em isolamento parcial com sua família na Granja do Torto, uma das residências oficiais da Presidência da República, a convite do presidente Bolsonaro. "Estou tentando manter ao máximo o isolamento", declarou na live, revelando que tem ido ao Palácio do Planalto durante a semana para alguns despachos.

Com 70 anos, Paulo Guedes integra o chamado "grupo de risco" da covid-19.

Já leu estas ?

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.