Comércio reabre em SP com movimento nas ruas e shoppings, mas vendas em baixa

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

18/04/2021 18h32 — em Economia

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O paulistano matou a saudade de loja e compareceu aos principais centros de comércio neste domingo (18), primeiro dia da fase de transição anunciada na sexta (16) pelo governo de São Paulo. As vendas, porém, ficaram bem abaixo das registradas em um domingo normal, segundo o relato de lojistas.

A reportagem visitou a rua 25 de Março, centro popular de compras da capital, a Oscar Freire, conhecida por abrigar lojas de grifes e artigos de luxo, e o Shopping Cidade São Paulo, na avenida Paulista.

A partir deste domingo, está permitida a abertura para o setor de comércio, das 11h às 19h, além de cultos religiosos. No próximo sábado (24), reabrirão as lojas de serviços, como restaurantes, salões de beleza, academias e atividades culturais, além de parques.

Não havia pessoas sem máscara nos estabelecimentos comerciais visitados pela Folha. No shopping, a reportagem presenciou um segurança informando um visitante que comia no estabelecimento de que não era permitido ficar sem máscara nos corredores.

Havia bastante movimento nas ruas, especialmente na 25 de Março, onde foram vistas diversas pessoas sem máscara.

Ondamar Antônio Ferreira, 49, gerente da loja matriz dos Armarinho Fernando, viu uma fila se formar em frente à sua loja às 12h. Por se enquadrar na categoria de comércio essencial, eles não pararam, mas muitos dos consumidores estavam ali atraídos pelo anúncio da reabertura -não sabiam que a loja estava em funcionamento antes.

Mesmo assim, o movimento foi quase 70% menor em relação a domingos normais, antes da pandemia. A loja não investiu no ecommerce durante 2020.

Ele deposita todas as suas esperanças na vacinação. "O método de distanciamento social, cuidados sanitários que adotamos aqui na loja, ainda não é o suficiente para que a gente possa evitar essa grande tragédia que está acontecendo. O método que a gente sabe que vai dar certo a vacina", afirma o gerente, que, apesar da queda de vendas, não precisou demitir durante a pandemia.

Foi a única loja com filas que a reportagem encontrou. Por volta das 13h, o movimento já havia esfriado.

Na Oscar Freire, Bruna Biazzi, 30, que mantém a loja Bendog na Galeria Oscar, contara sete clientes até as 16h40. O número é 40% inferior ao de um domingo normal.

Apesar de as vendas terem ficado aquém das expectativas, ela diz ter visto a movimentação próxima de um domingo normal. "Eu acho que as pessoas estavam com vontade de ir para a rua", afirma.

O Shopping Cidade São Paulo tinha diversas lojas vazias. Apesar disso, os corredores e escadas rolantes estavam com movimento no início da tarde. A praça de alimentação ainda não pode funcionar.

Na chamada fase de transição, a abertura dos estabelecimentos deve acontecer com até 25% da capacidade. Permanecem o toque de restrição, das 20h às 5h, teletrabalho para atividades administrativas e escalonamento de entrada e saída de atividade de comércio, serviços e indústrias.

O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Economia