Siga o Portal do Holanda

Amazonas

Tarifa de ônibus permanece R$3,80 após decisão do TJAM sobre suspensão

Publicado

em

Foto: Reprodução

Manaus/AM - A juíza de Direito Etelvina Lobo concedeu um prazo de 72 horas úteis ao Governo do Estado e à Prefeitura de Manaus para que se manifestem a respeito da tarifa de transporte coletivo da capital amazonense. O aumento do valor da passagem do ônibus está previsto para este sábado(25).

A magistrada decidiu pela manifestação do Estado e do Município após o pedido da Defensoria Pública e Ministério Público não apresentar os requisitos legais necessários para análise da Justiça.  

VEJA MAIS: 'Somos uma só Manaus' se revela uma farsa

O DPE e MPE se limitaram a contestar a decisão de quinta(23) sem, no entanto, dispor dos documentos que comprovem o direito e os fatos que devem ser avaliados para a continuidade da análise.

“Considerando que a discussão em questão afeta interesses públicos contrapostos da Administração Pública, quando se refere às políticas públicas de subsídios praticadas pelo Estado e pelo Município, acautelo-me quanto à avaliação do pedido liminar, de forma mais profunda, deixando-o para fazê-lo, novamente, após as manifestações dos demandados (Estado e Município), no prazo de 72 horas", disse a juíza em decisão.

 

A ‘parada’ do vice-governador com o prefeito Arthur

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.


Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.