Governador vira as costas para os profissionais de saúde

Por Portal do Holanda

27/03/2021 19h16 — em De olho na Política

Em dois anos e três meses de governo e um ano de pandemia de covid-19, o governador Wilson Lima literalmente ‘virou as costas’ para o fator mais importante da saúde, o material humano. A classe trabalha dobrado por conta da pandemia, sem adicional, férias ou folgas e desde 2019 com os salários congelados.

Nesse período, os deputados estaduais colocaram nas mãos de Wilson muitos milhões de reais, de fundos estaduais, alocados para o combate à pandemia. Mas ele deixou de lado os combatentes.

COVID abate população fragilizada 

Em apenas um ano depois que se instalou no país, o coronavírus consolidou seu domínio sobre uma população fragilizada pela ignorância, por um governo negacionista e pela politicagem que entremeia as ações públicas de combate à pandemia. Agora rejuvenesce, segundo pesquisadores, e ameaça ainda mais.
Sem coaesão entre poderes e gestores, o vírus ataca na idade mais produtiva do país. Os mortos entre 18 e 45 anos triplicou nas UTIs; e a faixa etária de 30 a 59 anos é afetada em média 570% mais nesta 2ª onda.

O vice mostra serviço 

O vice-prefeito e secretário de Infraestrutura, Marcos Rotta, começa a adentrar com serviços na zona esquecida de Manaus. Com a revitalização de ramais na área rural, Rotta desperta o interesse de pelo menos 11 mil famílias que vivem sem produzir por falta de condições de escoamento.

 Ataque em todas as frentes

Enquanto as famílias assistem ao enterro dos seus mortos, e o governo compra e distribui vacinas ‘a retalho’, o coronavírus ataca em todas as frentes e partes do corpo. A recente descoberta da USP de vírus na gengiva de pacientes com covid-19, aponta para uma nova fonte de sua reprodução.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ De olho na Política