CPI da covid: Bolsonaro e Wilson Lima tentam ‘lavar a culpa’ em Manaus

Por Portal do Holanda

24/04/2021 7h33 — em De olho na Política

Wilson Lima e Bolsonaro - Foto: Divulgação

A maior encenação para a CPI da Covid foi ensaiada ontem em Manaus. Na cidade cujo colapso na saúde deu origem ao pedido de investigação, os três principais personagens foram ‘incensados’ com honrarias e votos de inocência. Buscou-se o ambiente perfeito para lavar as culpas. Mas não as consciências.

O presidente da República, o governador do Amazonas e o ex-ministro da Saúde foram rebatizados nas águas do Jordão amazônico. E os milhares de mortos pela Covid souberam que em política não existem inocentes.

Título ‘bem-vindo’

Ao receber ontem o título de Cidadão do Amazonas, o presidente Jair Bolsonaro disse que o “título é muito bem-vindo”, e que ficou muito orgulhoso pelo reconhecimento, que “mostra a parceria que temos com o Estado e com a cidade de Manaus”. Comportado, o capitão usou máscara.

Zona Franca

Política econômica ‘inimiga’ da ZFM, política ambiental destruidora da floresta, ação criminosa do MS em relação ao colapso da saúde no Amazonas. São causas que levaram o deputado federal Zé Ricardo a protestar ontem contra as homenagens prestadas ao presidente Bolsonaro em visita a Manaus.

Deputados não comparecem a entrega de título a Bolsonaro

Houve reticências nas entrelinhas da entrega do título de Cidadão do Amazonas ao presidente da República. Dos 16 deputados que votaram a favor da concessão da honraria, somente cinco compareceram à solenidade no Centro de Convenções. Entre eles o presidente e o autor do projeto.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ De olho na Política