Homem traído mata a ex-mulher e se enforca com o fio da televisão

Por Portal do Holanda

14/03/2016 8h30 — em Brasil

Francisco Simão Lucas, de 35 anos, que se enforcou após asfixiar a ex-mulher Elba Medeiros Silva, de 29 anos, na zona oeste de Uberlândia, Minas Gerais. De acordo com a polícia, o crime aconteceu por causa de uma traição da vítima. O casal viveu junto por dez anos e estavam há três semanas separados. Eles não tinham filhos e saíram do Rio Grande do Norte para Minas em busca de melhores ofertas de emprego

A mudança de vida gerou muitas brigas para o casal, que até então tinha um relacionamento quase perfeito. Eles decidiram se separar, mas o termino não foi bem aceito por Lucas.

A dona da casa onde o casal Elba morou relatou que as visitas de Lucas eram frequentes."Era bem tranquilo, ajudou a montar a máquina dela, parecia um casal normal de namorados”, explicou. 

Ainda segundo informações da polícia, Lucas flagrou uma conversa no celular de Elba com uma amiga, onde ela teria revelado que já tinha marcado a data para a traição. O ex-marido ficou furioso com o que viu e isso foi o estopim.

Segundo o Boletim de Ocorrência, Lucas enforcou Elba até a morte dentro do antigo quarto do casal. Depois de asfixiar a ex, ele se enforcou com o fio da televisão, que ficava fixado na parede, mais ou menos a um metro e meio de altura. Antes de matar a ex-companheira e se suicidar, Lucas ligou para um amigo e compartilhou tudo o que fez na internet. 

Segundo o amigo, Lucas teria pedido para avisar a família que iria matar a ex-mulher e depois se matar.Lucas confessou o crime via Facebook e se matou na sequência: A traição, por isso matei ela Segundo a reportagem, foi o próprio amigo que falou no telefone com Lucas que encontrou o casal morto e chamou a polícia rapidamente


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Brasil