Siga o Portal do Holanda

Esportes

Levantamento aponta aumento nos casos de crimes discriminatórios nos estádios de futebol do Brasil

Publicado

em

Foto: Pixabay Foto: Pixabay
Foto: Pixabay

O número de casos como racismo, machismo e homofobia nos estádios de futebol do Brasil cresceram cerca de 70%, em 2019. Os dados são do novo levantamento feito pelo Observatório da Discriminação Racial no Futebol. 

De acordo com o site UOL, os crimes foram registrados em 16 estados brasileiros e o Rio Grande do Sul tem o maior número de ocorrências. Racismo lidera no ranking dos crimes discriminatórios. Os Estados de São Paulo e Rio de Janeiro completam as primeiras posições no relatório.

O levantamento indica que em 2019, 150 casos foram registrados, o que representa 62 casos a mais registrado em 2018, que fechou com 88 ocorrências.

Ainda de acordo com a publicação, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) prevê punições e os clubes podem ser multados e até perder pontos em competições. O protocolo tem base no artigo 243-G do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que determina punições para "práticas ou ato discriminatório, desdenhoso ou ultrajante, relacionado a preconceito em razão de origem étnica, raça, sexo, cor, idade, condição de pessoa idosa ou portadora de deficiência".

+ Esportes

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.