Siga o Portal do Holanda

Brasil

Lava-Jato: Ex-procuradores-gerais da República são ouvidos em ação sobre triplex

Publicado

em

Dois ex-procuradores-gerais da República serão ouvidos, nesta quinta-feira (2), como testemunhas de defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na ação penal da Lava Jato que envolve o caso do triplex em Guarujá, no litoral de São Paulo.

Cláudio Lemos Fonteles, que foi procurador-geral da Repúlica entre 2003 e 2005, e Antonio Fernando de Souza, que ocupou a função entre 2005 e 2009, serão ouvidos pelo juiz federal Sérgio Moro, responsável pelas ações da Lava Jato em primeira instância. Ambos foram indicados para a Procuradoria-Geral da República (PGR) pelo ex-presidente Lula.

Os depoimentos estão marcados para as 9h30 e serão realizados por videoconferência de Brasília (DF) com a Justiça Federal do Paraná, em Curitiba.

Além dos ex-procuradores-gerais também será ouvido Claudio Soares Rocha, que foi diretor de documentação histórica do gabinete pessoal da presidente Dilma Rousseff. Ele foi arrolado pela defesa do presidente do Instituto Lula Paulo Okamotto.

O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva e outras seis pessoas são rés nesse processo.

A esposa de Lula, Marisa Letícia, que morreu em 3 de fevereiro, também era ré nesta ação penal. A defesa da ex-primeira-dama pediu a absolvição sumária dela nos dois processos aos quais ela respondia na Lava Jato.

 

Bolsonaro e Guedes preparam novo golpe contra o Amazonas

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Leia a Bula - Entrevista com o prof. DANIEL HOFFMANN / Saúde dos Pets


Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.