Fãs torcem para que morte de Philip renda conteúdo para 'The Crown'

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

09/04/2021 13h07 — em Cinema

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A morte do príncipe Philip aos 99 anos tem movimentado as redes sociais e sobretudo os amantes da série da Netflix "The Crown", que mostra detalhes da vida da realeza britânica.

Muitos pedem que os criadores do projeto não meçam esforços para encaixar a partida do marido da rainha Elizabeth 2ª nas últimas temporadas do projeto.

"A morte do príncipe Philip será o tema da oitava ou nona temporada do The Crown", torceu um seguidor. "Príncipe Philip criando conteúdo para 'The Crown'. Super engajado", disse outra.

"Sou cadelinha de 'The Crown' e só consigo pensar nos desdobramentos da série com a morte o príncipe Philip", emendou outra internauta.

Príncipe Philip, na série, foi interpretado pelos atores Matt Smith e Tobias Menzies. Nas duas últimas temporadas, mais velho, quem terá essa responsabilidade será Jonathan Pryce.

Porém, os produtores do drama já disseram que não têm a intenção de acompanhar os acontecimentos da realidade. Nem mesmo a saída da realeza britânica de Meghan Markle e príncipe Harry deverá ser retratada nas duas últimas temporadas em andamento.

Em "The Crown", Philip é retratado de forma contundente e algumas de suas principais características são exploradas, tais como sua infidelidade e as crises pelas quais passou.

Mais longevo consorte da história do Reino Unido, Philip morreu nesta sexta-feira (9) no Castelo de Windsor, aos 99 anos, dois meses antes de seu centésimo aniversário. A causa da morte ainda não foi divulgada, mas o príncipe havia passado por procedimentos cardíacos nos últimos meses, nos quais ficara quatro semanas hospitalizado.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Cinema