Siga o Portal do Holanda

Práticas comuns do a dia que podem estar ajudando a reduzir o seu QI

Publicado

em


Especialistas defendem que desde a tecnologia aos hábitos alimentares estão prejudicando o nosso cérebro, fragmentando a ligação entre os nossos neurónios e fazendo com que fiquemos mais lentos e menos capazes de ter ideias originais.

Como destaca o jornal The Telegraph, na última década os dados indicam que as classificações de QI têm entrado em declínio. O mesmo site reuniu algumas coisas que podem estar arruinando o seu QI. 

1. Comer gorduras saturadas. Estudos demonstram que as dietas ricas em gordura não saudável danificam a flexibilidade cognitiva, atrasam os tempos de reação, danificam a memória e promovem os sentimentos de depressão.

2. Multitasking. O neurocientista do Instituto de Tenologia de Massachusetts diz que “o cérebro não está ligado ao multitasking. Quando as pessoas pensam que estão fazendo várias coisas ao mesmo tempo, estão apenas alternando a atenção de uma tarefa para a outra muito rapidamente e cada vez que o fazem, há um custo cognitivo”. Ou seja, quando tentamos fazer várias coisas ao mesmo tempo estamos cansando o cérebro mais rapidamente.

3. Ir ao Google. Ter informação ilimitada 24 horas por dia, no trabalho, em casa e em movimento, é tanto uma bênção como uma maldição para o nosso cérebro. Ter a possibilidade de não ter que decorar números de telefone, endereços ou datas de aniversário significa que já não dependemos da nossa memória. Fazendo com que deixemos de exercitá-la.

4. Dormir pouco ou mal. Estudos apontam que além dos efeitos que dormir mal pode ter no dia seguinte, se a situação for frequente, pode ainda ter efeitos na saúde a longo prazo, incluindo um impacto negativo no seu comportamento e funcionamento cognitivo.

+

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.