Siga o Portal do Holanda

Pesquisadores descobrem proteína capaz de conter avanço do câncer

Publicado

em


A grande maioria dos adultos possui tumores benignos na pele, que não fazem mal, resultado de uma mutação no gene conhecido como BRAF. Contudo, os pesquisadores ainda não haviam compreendido a razão pelo qual os tumores param de crescer, depois de um tempo. Foi justamente esta a descoberta dos pesquisadores da Escola de Medicina Perelman da Universidade da Pensilvânia, que anunciaram a identificação de um importante fator genético que mantém esses pequenos tumores no seu estado habitual, ou seja, não cancerígenos e com um tamanho constante, informa o Minha Vida.

Os cientistas alegam que a mutação do gene estimula o crescimento, e, ao mesmo tempo, estimula a produção de uma proteína que suprime o tumor. Esta proteína, denominada p15, funciona como uma espécie de freio da divisão celular – processo que transforma o tumor de benigno em melanoma.

A proteína p15 seria, então, a chave para compreender o desenvolvimento do câncer, que ocorre quando as células perdem esta proteína. Apesar de já ser conhecida no meio científico, a p15 não tinha sido estudada como um freio para o câncer. Agora, a equipe planeja realizar mais estudos para compreender melhor como o melanoma se desenvolve e como ele pode ser tratado com novas terapias. Da mesma forma, eles ainda precisam analisar quais os possíveis ações da p15 em outros tipos de câncer.

+

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.