STF solicita reserva de vacinas ao Instituto Butantan

Por Portal do Holanda

29/12/2020 15h55 — em Brasil

Na semana passada, Fiocruz negou pedido de remessa de vacinas feito pelo órgao. Foto: SCO/STF

O Supremo Tribunal Federal (STF) solicitou ao Instituto Butantan uma reserva de vacinas contra o novo coronavírus a 7 mil servidores do órgão e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O pedido foi feito no mesmo dia em que o órgão encaminhou solicitação à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no dia 30 de novembro.

No ofício endereçado ao Instituto, o diretor-geral da Corte, Edmundo dos Santos Filho,  afirma que a ação tem dois objetivos principais. O primeiro consiste em imunizar o maior número possível de trabalhadores de ambas as casas, "que desempenham papel fundamental no país e têm entre suas autoridades e colaboradores uma parcela considerável de pessoas classificadas em grupos de risco".

Além disso, argumenta que a campanha ajudará a acelerar o processo de imunização da população e "permitirá a destinação de equipamentos públicos de saúde para outras pessoas".

De acordo com o documento, a campanha de vacinação dos servidores ficaria a cargo da Secretaria de Serviços Integrados de Saúde (SIS).

Na semana passada, a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) negou pedido similar feito pelo STF e pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), alegando que não possui autonomia "nem para dedicar parte da produção" para a imunização de seus próprios servidores.
 


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Brasil