Mulher que teve as mãos decepadas pelo marido quer ajudar outras mulheres

Por Portal do Holanda

17/08/2015 3h18 — em Brasil


Gisele Santos foi agredida pelo marido e teve as mãos decepadas, além de parte dos pés cortados por ele. A reportagem da Rede Record conversou com Alice Amaro, irmã de criação da vítima, e descobriu que, apesar da brutalidade da violência, ela acredita na recuperação e que conseguirá seguir em frente. O caso aconteceu na cidade de São Leopoldo, Rio Grande do Sul. 

“Se Deus quiser vou voltar a andar e me adaptar a minha nova vida... Renasci”, disse ao canal de televisão. Gisele ainda pretende usar o que lhe aconteceu para fazer o bem e ajudar outras mulheres que passam por violência doméstica.  A briga começou no dia 2 de agosto, quando Gisele pediu a separação. “Apenas desisti de acreditar nas promessas do homem que amava e decidi me separar, ele não aceitou, mas nunca pensei que ele teria coragem pra tentar me matar”, desabafou.

O marido foi detido e levado para o presídio central de Porto Alegre.