Siga o Portal do Holanda

Brasil

Mulher mente que está com coronavírus para ser atendida mais rápido em hospital

Publicado

em

Foto: Reprodução Internet Foto: Reprodução Internet
Foto: Reprodução Internet

Governo do Amazonas erra e pânico cresce com avanço da Covid-19


Uma mulher foi presa em flagrante após simular estar com com coronavírus para ter prioridade em uma Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) na noite da última sexta-feira (7). Segundo os agentes, Claudete M., inventou que havia retornado de uma viagem a Hong Kong, província autônoma da China. O caso aconteceu no Rio de Janeiro.

Segundo o IG, o fingimento desencadeou a utilização de protocolos internacionais para o tratamento do vírus . A paciente foi de imediato isolada e submetida a uma série de exames e questionamentos, tendo insistido durante horas na falsa história sobre sua viagem como babá de uma família àquela localidade. A Vigilância Sanitária estadual e a municipal foram informadas sobre o caso e notificaram o Ministério da Saúde.

A verdade apareceu depois que familiares desmentiram Claudete, que contaram para a polícia que a mulher nunca havia saído do Brasil. Ela então confessou o crime e foi autuada por falsidade ideológica e no artigo 41 da Lei de Contravenções Penais (provocar alarma, anunciar desastre ou perigo inexistente, ou praticar qualquer ato capaz de produzir pânico ou tumulto).

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.