Siga o Portal do Holanda

Ele faz 22 reféns agora

Homem que sequestrou ônibus na Ponte Rio-Niterói, diz que é policial militar

Publicado

em

Foto: Reprodução TV Globo

Um ônibus da empresa Galo Branco que foi sequestrado na manhã dessa terça-feira (20) na Ponte Rio-Niterói, no Rio de Janeiro, continua em poder de um criminoso.

Segundo a polícia, quatro reféns já foram liberados, mas ao menos 22 passageiros permanecem no coletivo. Ainda há pouco, o criminoso fez contato com os negociadores da polícia de elite e teria se identificado como um policial militar, mas essa informação ainda não foi confirmada.

O motivo do sequestro ainda não foi revelado, mas os reféns liberados contaram que no veículo há armas e gasolina e que o criminoso ameaça a todo instante incendiar o veículo.

Ele obrigou o motorista a bloquear o acesso a ponte colocando o veículo no meio da pista e já apareceu algumas vezes na porta e chegou a descer do ônibus com o rosto coberto com um boné e uma máscara.

O homem teria falado algo aos negociadores e voltado para dentro com os passageiros. O local está cercado de policiais e curiosos, pessoas que estavam a caminho do Rio para trabalhar e foram pegos de surpresa pelo bloqueio e pelo sequestro.

Agenda oculta de Bolsonaro: acabar com a Zona Franca de Manaus

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.


Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.