Compartilhe este texto

Funcionária diz que ex-vice da Caixa acobertava assédio e vigiava vítimas

Por Portal do Holanda

04/07/2022 9h05 — em
Brasil


Celso pediu demissão - Foto: Reprodução Youtube

Uma funcionária da Caixa que foi alvo de assédio sexual, acusa o ex-vice-presidente de Negócios de Atacado do banco, Celso Leonardo Barbosa, de ter acobertado o colega, Pedro Guimarães, suspeito de cometer os abusos.

Em entrevista ao programa Fantástico, da Rede Globo, a mulher afirma que Celso não só sabia dos assédios, como também era encarregado de “acolher” as vítimas para monitorá-las e garantir que elas não denunciassem o então presidente da instituição.

O  falso acolhimento era parte da estratégia para evitar que as histórias vazassem. Pedro e Celso eram muito próximos, e o vice-presidente de Negócios, era considerado braço direito de Guimarães.

Ele ascendeu rápido na Caixa e nos últimos meses chegou a substituir o presidente e reuniões importantes. Celso pediu demissão na última sexta-feira (1), dias depois do escândalo explodir na imprensa e garante que só fez isso para garantir a imparcialidade no processo de investigação das acusações.

Mas, segundo a funcionária, não era só ele quem sabia e era conivente com a situação. Vários diretores e presidente e vices de outros setores também faziam vista grossa aos assédios ou compactuavam com ele. As investigações sobre o caso seguem em sigilo.

 



O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Brasil

+ Brasil