Siga o Portal do Holanda

O amigo dele está em coma

Venezuelano espancado por brasileiros morre em hospital de Roraima

Publicado

em

Foto: Marcelo Marques Foto: Marcelo Marques
Foto: Marcelo Marques

Manaus/AM - Após passar nove dias internado, o venezuelano Raul Eduardo Benkon Maican, 25, morreu no Hospital Geral de Roraima, em Boa Vista. O jovem pedreiro foi espancado por brasileiros durante uma briga de bar da ocorrida no último dia 23 de setembro.

Segundo Alexander Benko, pai de Raul, ele e o amigo Jatniel José Cedeño Marcano, 26, levaram várias pedradas e pauladas na cabeça. As vítimas sofreram várias fraturas e traumatismo craniano, o que levou a morte de Raul. Marcano está em coma e segue internado na unidade, ele não tem familiares no Brasil.

Alexander conta que trabalha e mora na Venezuela e aos receber a notícia sobre o filho, deixou tudo e veio com urgência para o país. Ele pediu ajuda do governo de Roraima para que o corpo de Eduardo seja levado para a terra natal, onde será enterrado.

O consulado se dispôs a ajudar, mas já informou que os trâmites são demorados e que ele deve permanecer no Brasil para acompanhar o processo. Benko afirma que vai aguardar e pre mais empenho das autoridades para que os assassinos de Raul sejam identificados e presos:

“Foram brasileiros que o agrediram. Bateram muito no meu filho sem motivo. Ele e Marcano, que não tem família aqui e está inconsciente, moravam juntos”, disse ele em entrevista ao jornal O Globo.

 

MP-Am humilha em aeroporto mãe de indiciado

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.