Saiba a verdade sobre nova onda de Covid 19 em Manaus

Por Raimundo Holanda

07/10/2020 4h38 — em Bastidores da Política

A verdade sobre a Covid-19 começa a ser reposta com tinta vermelha. Por um longo período o governo do Amazonas manipulou dados importantes sobre a pandemia.  O resultado foi mais contaminações,  à medida que a população, desinformada,  relaxava  com a prevenção. Interessava ao governador,  envolvido  em denúncias de corrupção, o esquecimento - ainda que ao custo de enterrar evidências claras de que a doença não estava contida. Mas a verdade, represada, explodiu nesta terça-feira.

Os casos de contaminação quase passaram da barreira de 1.000 nas ultimas 24 horas, e as  mortes cresceram 157% em relação a 14 dias atrás, de acordo com  o consórcio de veículos que monitora casos de Covid, mas segundo a Fundação de Vigilância Sanitária, apenas 6 mortes foram registradas nesta terça. Ainda que o número de óbitos causado pela doença fosse 6, como diz a FVS, já era preocupante.

Manipular números, especialmente em tempo de pandemia, é crime e como tal deve ser tratado. 

Assim como agentes públicos  tentaram lucrar ao superfaturarem a compra de  equipamentos que restabeleceriam a capacidade de respirar de amazonenses atacados pelo vírus, manipular a verdade   anula outro tipo de valor, tão essencial     quanto o ar : a crença de que os governantes  olham pelas pessoas e trabalham por elas.