Siga o Portal do Holanda
Os vilões da pátria amada

Os vilões da pátria amada

Publicado

em

Nunca o Supremo Tribunal Federal foi tão achincalhado. Uma aliada do presidente Bolsonaro vai para a frente da Corte e chama o ministro Alexandre de Moraes de “FDP arrombado”, outro usa as redes sociais para dizer que o ministro é um “moleque”. Tudo isso, em tese, chancelado pelo Palácio do Planalto. Não há lições a tirar disso, a não ser que o Brasil carece de referências, que os “heróis” morreram e os vilões tomaram conta do país.   

Não há lado a escolher porque a paixão, o ódio, o desejo de revide agora  prevalecem sobre o bom senso.

Há um incendiário no Planalto e um grupo de zumbis espalhando gasolina  na democracia. Do outro lado da Praça dos Três Poderes, um ministro age como delegado,  promotor  e juiz. Ele investiga, acusa,  julga e pode condenar. Não é este o papel de um ministro da Suprema Corte..

Esse comportamento apequena um dos poderes mais importantes da República. E reforça a tese do ódio - que reside em vários gabinetes de Brasília.

Os brasileiros procuram  um herói que lhes aponte caminhos, que  abra  as janelas para os raios do sol entrar. Procuram uma referência, mas só encontram anti-heróis, com atos questionáveis  que só  aprofundam crises e produzem desesperança.


+ BASTIDORES DA POLÍTICA

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.