Siga o Portal do Holanda
Os meninos que perderam a corrida do tempo OS HERDEIROS

Os meninos que perderam a corrida do tempo

Publicado

em

  • O que faltou aos herdeiros de Umberto Calderaro Filho foi o pé descalço melado de graxa na oficina, o cheiro da tinta na impressora invadindo os pulmões, a privada dividida com os funcionários, o café ralado servido em um único copo nas madrugadas com rotativa quebrada. Faltou-lhes o coração, que foi enterrado com o velho Calderaro.

O tempo só é inimigo de quem ignora que o mundo não para, que as ideias se transformam, as tecnologias se aperfeiçoam e as pessoas respiram diferente a cada minuto. Quem não percebe essas transformações, morre. É o caso dos jornais impressos. Aqueles que se apressaram em convencer os assinantes a migrar para as publicações digitais vão sobreviver por muito tempo, nas duas plataformas.

Foi o que a Critica não fez e o tempo a colocou em uma vala de onde dificilmente sairá.

Com 70 por cento dos funcionários em greve e uma dívida trabalhista de R$ 1,2 milhão, essa crise vivida pelo jornal é fruto de um atraso histórico, de uma corrida da qual os meninos herdeiros se negaram a participar.

Pior, está em jogo um sonho do fundador do jornal, Umberto Calderaro Filho. Os herdeiros pensam em vender a sede onde hoje funciona a Crítica, idealizada pelo avô para ser o centro das comunicações, com rádio, jornal e TV. Calderaro criou tudo isso e tudo pode acabar. Num passe de mágica incompetência…

O que faltou aos herdeiros de Umberto Calderaro foi o pé descalço melado de graxa na oficina, o cheiro da tinta na impressora invadindo os pulmões, a privada dividida com os funcionários, o café ralado servido em um único copo nas madrugadas com rotativa quebrada. Faltou-lhes o coração, que foi enterrado com o velho Calderaro.


+ BASTIDORES DA POLÍTICA

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.