Siga o Portal do Holanda

Massacre deixa 49 mortos

Vídeo impactante mostra início de ataque a mesquita na Nova Zelândia

Publicado

em

 

Duas mesquitas na cidade de Christchurch, na Nova Zelândia, foram alvos de ataques nesta sexta-feira (15), deixando 49 mortos e ao menos 48 feridos. Um dos autores fez transmissão ao vivo do ataque em uma rede social à mesquita Al Noor, localizado no centro da cidade.

 

No vídeo, ele sai do carro ouvindo uma canção chamada "Serbia Strong" (Sérvia Forte), que é um cântico nacionalista que louva Radovan Karadzic, ex-presidente da Sérvia condenado por crimes de guerra e contra a humanidade. 

Após sair do carro, o homem que foi identificado como Brenton Taranta, 28, um australiano, pega um fuzil do porta-malas e sai caminhando até a mesquita e do lado de fora inicia os disparos. Ele percorre todas as salas do local atirando. Ao menos 200 pessoas estavam na mesquita, com 41 delas sendo mortas. 

Após o ataque, Brendon publicou um manifesto de 74 páginas na mesma rede social, onde elenca líderes racistas americanos como seus heróis. No documento, ele diz que tinha motivação de “criar uma atmosfera de medo” e incitar a violência contra muçulmanos.

Outro ataque também ocorreu na mesquita Linwood, com outras 7 pessoas mortas. As autoridades afirmam que quatro pessoas foram presas suspeitas de participarem dos ataques. 

A greve perto do fim, mas quem está resolvendo a 'bronca' não é o governador

Para compartilhar esteconteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.


Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.