Repórter da Record é acusado de assediar 12 jornalistas do 'Domingo Espetacular'

Por Portal do Holanda

24/05/2019 9h15 — em Famosos & TV

Foto: Reprodução Record

O repórter da Record Gérson de Souza está sendo acusado de assediar sexualmente ao menos 12 colegas de trabalho do ‘Domingo Espetacular’.

Segundo o ‘Notícias da TV’, duas delas já registraram boletim de ocorrência por assédio sexual e difamação. Já outras cinco prestaram queixa no RH da emissora.

Gérson nega as acusações e acusa uma das denunciantes de “revanchismo”.  A jornalista em questão super premiada contou que foi beijada a força por ele: “Ele chegou por trás e me beijou na boca. Ficou mostrando a língua e saiu dizendo que roubado era mais gostoso. Foi nojento”, disse ela à publicação.

A denunciante diz que já faz anos que Gérson tem essas atitudes, mas que resolveu denunciá-lo após começar a ser difamada por ele: “Ele começou a gritar na Redação que eu era incompetente, que meu trabalho é uma bosta”.

O repórter confirma a discussão: “Estou vendo isso como revanchismo. Tenho certeza de que ela está reagindo a uma observação que fiz sobre a qualidade do serviço dela. Isso é um grande mal-entendido”, disse.

A Record confirmou que está apurando as denúncias e que orientou as vítimas a procurarem a polícia.