Siga o Portal do Holanda

Arte e Cultura

Wanessa Camargo diz ter planos com Sandy para emplacar a 'parceria do século'

Publicado

em

Foto: Reprodução internet

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - As cantoras Wanessa Camargo, 36, e Sandy, 36, podem em breve fazer uma música juntas. Pelo menos esse é o plano revelado por Wanessa durante o lançamento de sua nova música, "Vou Lembrar", que entrará nas plataformas digitais e no YouTube nesta sexta-feira (20).

Segundo a artista, ambas já conversaram sobre essa possibilidade e basta conciliar as atribuladas agendas para que a estratégia saia do papel. "Seria a parceria do século", afirma ela, aos risos. "Espero que aconteça, mas agora eles estão em turnê e eu lançando canções. Já conversei com ela sobre isso e a vontade de ambas existe. Temos um respeito e carinho que construímos uma pela outra", define Wanessa.

Durante muitos anos foi criado em torno das duas uma rivalidade. As duas tem a mesma idade, começaram a cantar ainda pequenas e são filhas de pais sertanejos. Porém, segundo Wanessa, essa briga nunca foi verdade. "A bagunça que fizeram comigo e com a Sandy durante muito tempo era totalmente infundada. Nunca houve uma competição de fato de a gente brigar, de a gente se odiar. Sempre teve respeito", revela.

Para ela, porém, essa possível rivalidade partiu dos fã-clubes. "Eram públicos parecidos e eles brigavam para dizer quem era melhor. Por que não curtir as duas, gente? Só temos a ganhar. Olha que legal seria se eu sempre tivesse o apoio do fã-clube da Sandy e ela do meu. Todo mundo ganha", opina. Em 2018 a artista subiu ao palco de um show de Sandy, em São Paulo, e com ela fez um dueto. 

As comparações sempre rondaram a vida da cantora filha de Zezé Di Camargo, 57. Em certo momento, além de Sandy, ela também foi comparada à Anitta. Para Wanessa, não há mal nenhum em comparar, mas na forma de fazer isso.

"O que me entristece é que muitas vezes essa comparação não é saudável. Vira uma competição para desqualificar o outro lado. Uma canta melhor, a outra é mais bonita... De onde vem essa cultura? Tem que mudar", opina.

Enquanto a parceria não chega, porém, ela gosta de imaginar que tipo de canção poderia fazer com a amiga. Wanessa, nos últimos anos, se aventurou no pop, no romântico, no eletrônico e no sertanejo. "Teria que ser 'a música', né? Já pensou a Sandy dançando funk? Seria genial", diverte-se.

O Fantástico, o caso Valeiko e a frustração dos que queriam 'incendiar' Manaus

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.