Siga o Portal do Holanda

Famosos & TV

Deborah Secco fala sobre suas cirurgias plásticas e diz ter feito uma delas após nascimento da filha

Publicado

em

Foto: Reprodução/Instagram Foto: Reprodução/Instagram
Foto: Reprodução/Instagram

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Deborah Secco, 40, começou a carreira artística ainda menina, o que fez com que o público acompanhasse as várias transformações pelas quais a atriz passou, algumas naturais e outras cirúrgicas. "Fiz três lipos na vida e duas vezes [cirurgia plástica no] peito, uma aos 20 e poucos e outra agora, depois que a Maria nasceu. Mas tenho vontade de, depois do segundo filho, tirar a pele".  

A artista garante que havia abandonado a rotina de exercícios quando deu à luz Maria Flor, 4, por achar que era "muito tempo para ficar longe de casa". Ela, no entanto, decidiu voltar às atividades físicas há cerca de vinte dias, apenas três vezes por semana. Secco contou também não se submeter a tratamento estético algum atualmente.

A atriz fez estas e outras revelações em entrevista ao canal de Thaís Fersoza, 35, no YouTube. Ao falar da relação com Hugo Moura, 29, afirmou ter sido ela a pedi-lo em casamento. "Estava grávida e falei que queria que minha filha nascesse com a gente casado". De acordo com Secco, a celebração aconteceu dia 22 de novembro de 2015 e a filha do casal nasceu doze dias depois do casório. 

Quando o assunto são as redes sociais, a artista diz só vender produtos que use e façam parte de sua vida. Ela falou também a respeito de só postar coisas felizes na internet. "Eu me sinto mal de não conseguir postar o lado ruim da minha vida porque não tenho fotos disso. Mas eu gostaria de fazer 'ai, estou me sentindo feia', mas eu ainda me preocupo muito com julgamento, prefiro me preservar". 

Já no aspecto profissional, a atriz afirmou que se tivesse que optar entre cinema, teatro e televisão, o primeiro seria sua escolha e que sempre fica nervosa diante de um novo trabalho. "É sempre um recomeço. Eu fico achando que alguém vai descobrir que eu não sei fazer isso, que sou uma farsa".

Para ela, protagonizar os longas "Bruna Sufistinha" (2011) e "Boa Sorte" (2014) a ensinou a olhar o outro sem julgamento, respeitando a trajetória de cada um.  "Sem dúvida, depois da maternidade, [esses trabalhos foram] as melhores coisas que aconteceram na minha vida".

 




Insegurança sem fim. O que Moro está fazendo?

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.