Anitta e Pitty discutem em gravação de programa

Por Portal do Holanda

04/12/2014 16h37 — em Famosos & TV


Fotomontagem/PortaldoHolanda

Annita e Pitty participaram da gravação do "Altas Horas" nesta quarta-feira (03). O programa estava com a platéia formada somente por homens e por convidadas mulheres, e as duas cantoras como atração musical. 
Falando sobre feminilidade e liberdade sexual, as duas discutiram, discordando da opinião uma da outra. Anitta dizia que as mulheres de hoje provocam os homens a pensar mal delas, enquanto Pitty defendia o direito das mulheres se comportarem como quiserem.
"As mulheres dão muito mais em cima dos homens. Invertem-se os papeis. Então os homens não estão mais interessados. Eles pensam: 'Vou dar em cima pra quê? Daqui a pouco a fulaninha me dá e vem pra cima de mim'. Isso afasta o homem que pensa que a mulher está ali para pegar todo mundo", disse Anitta, e continuou, "Não falo nem só da roupa. Eu vejo na noite mulheres ficando com homens porque eles estão pagando bebidas caras. Isso é uma coisa que eu acho estranho e os homens pensam mal das mulheres. Não ficam interessados em ter mais nada com elas. Não acham legal ".
Foi aí que Pitty a interrompeu "É o homem que está errado! Ele não tem que achar nada" respondeu.

A funkeira então seguiu seu pensamento. "As mulheres lutaram tanto para ter os mesmos direitos. Conseguiram um salário igual aos dos homens, conseguiram votar, conseguiram emprego... Com tudo isso, chegou uma hora que a mulher quis tomar conta da situação. Elas acham que podem chegar e pegar 50 numa noite e fazer e acontecer. A mulher acabou querendo tomar o lugar do homem em todas as situações". E outra vez a rockeira rebateu, "Nós ainda não temos os mesmos direitos". Anitta devolve "Mas estamos quase lá!", e Pitty conclui: "Quase não é chegar lá. Estamos muito longe ainda!".

Fernanda Paes Leme, que também estava entre as convidadas do programa de Serginho Groisman, também discordou da funkeira. "Discordo da Anitta. O homem não tem que pensar nada" disse.

O programa vai ao ar no próximo sábado (06), com mais discussão sobre o tema feminilidade e o papel do homem na sociedade.