Siga o Portal do Holanda

Amazonas

Projetos de combate ao desmatamento na Amazônia é destaque no “Amazon Day”

Publicado

em

O debate em torno de questões como a bem sucedida redução do desmatamento na Amazônia, de 82% nos últimos 10 anos, e as medidas adotadas pelo governo brasileiro e pelo BNDES para intensificar mecanismos de redução da emissão de gases de efeito estufa reuniu nesta quarta-feira (28) mais de uma centena de autoridades e especialistas Internacionais no chamado “Amazon Day”. 

O evento, organizado pelo BNDES, pela embaixada do Brasil em Londres e pelo Ministério do Meio Ambiente, acontece em Londres e debate ações de mitigação das mudanças climáticas e de estímulo à economia de baixo carbono. 

O “Amazon Day” foi aberto pela manhã com os pronunciamentos da ministra de Meio Ambiente, Izabella Teixeira, do ministro da Fazenda, Joaquim Levy, do presidente do BNDES, Luciano Coutinho, do embaixador brasileiro na Inglaterra, Eduardo Santos, e do representante do Ministério Britânico de Relações Exteriores, Hugo Swire. 

O presidente Luciano Coutinho enfatizou a importância para o BNDES de administrar o Fundo Amazônia, que tem sido reconhecido mundialmente como uma das iniciativas mais bem sucedidas de pagamento por resultados pela redução das emissões por desmatamento e degradação florestal. 

No evento, foram apresentadas as atividades do Fundo Amazônia. Com uma carteira de 75 projetos aprovados, no valor de R$ 1,2 bilhão, o Fundo apoiou 94 unidades de conservação; 14 milhões de hectares de áreas protegidas com controle territorial fortalecido; 1,2 mil subprojetos de pequeno porte; 3,1 mil pessoas treinadas em combate a incêndios; 37 milhões de hectares e 138 mil imóveis rurais inscritos no Cadastro Ambiental Rural. 

O apoio a populações indígenas no Brasil também é uma das prioridades do Fundo. Já foram financiados cinco projetos com foco exclusivo em populações indígenas, abarcando 52% das terras indígenas na Amazônia legal. Tanto as unidades de conservação como as terras indígenas atuam como um importante inibidor do desmatamento ilegal. 

O Fundo Amazônia recebe doações e realiza apoio não-reembolsável a partir da apresentação direta de projetos. Atualmente, as doações somam R$ 2 bilhões, dos quais 96% provenientes do governo da Noruega, 3% do banco de desenvolvimento da Alemanha, KfW, e 1% da Petrobras.

+ Amazonas

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.