Prefeito de Manaus se pronuncia sobre lockdown e diz que medida é muito 'arriscada'

Por Portal do Holanda

06/05/2020 7h04 — em Amazonas

Foto: Divulgação

Manaus/AM -  O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, reagiu na noite desta terça-feira (5), sobre a discussão quanto à necessidade de se decretar lockdown na capital. Para ele, a medida é arriscada e deve ser discutida em conjunto com demais autoridades:  “Deveria haver uma reunião mais ampla, envolvendo o prefeito e o governador”, 

Arthur acredita que o lockdown seria uma medida muito arriscada e acredita que ela pode ser substituída nesse primeiro momento por ações mais enérgicas, porém não extremas:

“Proponho, desde já, a troca do lockdown, talvez impossível - em plena garantia da lei e da ordem - de ser efetivamente implementado e sugiro adotarmos medidas mais rígidas que forcem a adesão das pessoas ao isolamento social, sem a decisão extrema e arriscada do lockdown”, defendeu.

Como exemplo, Virgílio disse que se uma empresa não essencial nesse momento de pandemia está irregularmente funcionando, deve ter seu alvará cassado. “Mas meus fiscais precisam da proteção da Polícia Militar. Esse é apenas um exemplo do muito que os poderes podem fazer conjuntamente. Somos responsáveis, cada poder na sua faixa de ação, por cuidar do que é melhor para nossa gente. Manaus está às ordens para cumprir seu papel na solução da crise”, finalizou o prefeito.

Nessa terça-feira (5), o Ministério Público do Estado entrou com o pedido da ação que foi redirecionada para a 1ª Vara da Fazenda Pública Estadual, pelo juiz plantonista Antonio Itamar de Sousa Gonzaga.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Amazonas