Jornal A Crítica demite jornalista com estabilidade e ameaça mais demissões

Por Portal do Holanda

07/11/2014 17h19 — em Amazonas

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado do Amazonas (SJP/AM) ao tomar conhecimento da demissão da jornalista Rosiene Carvalho, realizada pelo jornal A Crítica, no último dia 4, encaminhou o ofício 043/2014, solicitando a suspensão da mesma no dia seguinte, uma vez que profissional está inscrita na chapa que concorrerá a eleição sindical, prevista para o próximo dia 26 e dispõe de estabilidade no emprego, assegurada no Art. 8º da Constituição Federal.

De acordo com um membro da diretoria do sindicato, além da jornalista Rosiene Carvalho, mais três profissionais compõem a lista de demissões confirmada pelo Setor de Pessoal da Empresa de Jornais Calderaro. São eles: Luiz Vasconcelos (repórter fotográfico); Juca Queiroz (repórter fotográfico) e Bruno (jornalista).

Ameaça de novas demissões

O diretor informou também que, em reunião realizada na sede do sindicato na quarta-feira (05) a diretoria da entidade discutiu o assunto e deliberou que irá realizar denúncia das demissões por considerá-las sem motivo. A justificativa dada no aviso prévio encaminhado aos jornalistas consta a velha frase: "Por motivos alheios à nossa vontade, somos forçados a dispensá-lo (a) de nosso quadro de funcionários" etc.

O SJP/AM discorda da justificativa e acionou a Assessoria Jurídica da entidade para tratar do caso, pois há informações de que novas demissões estão previstas para a próxima semana.

Confirmadas novas demissões, elas representarão verdadeiro presente grego aos jornalistas, a exemplo do ocorrido na batalha de Tróia. Fim de ano sem festas e sem motivos para comemorações, alertou o sindicalista.