Siga o Portal do Holanda

Amazonas

‘Calçada Legal’ instrui cidadão sobre direitos e deveres com logradouro público

Publicado

em

A obstrução dos logradouros públicos continua ocupando o segundo lugar em ações fiscais da Divisão de Controle (Dicon) do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb). De janeiro a junho deste ano, foram 506 notificações relacionadas à obstrução e desconformidade de calçadas em geral.

Foram aplicadas ainda 79 multas, três embargos e uma interdição, sendo realizadas 11 apreensões e quatro demolições. O valor da multa para a infração pode variar de R$ 83,78 (1 UFM) a R$ 335,12 (4 UFMs), dobrando ainda em caso de reincidência.

Para intensificar o acesso à informação com campanhas de conscientização e de mudança de comportamento, a Rede Amazônica, em parceria com o Implurb e o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea-AM), lança este mês o projeto “Calçada Legal”, ação que visa informar à população sobre os direitos e deveres em relação ao logradouro público.

Nas próximas semanas acontecerão reuniões entre os parceiros para definir formas de atuação e cronograma, além de apontar projetos-pilotos e casos de sucesso dentro da capital. As atividades do projeto “Calçada Legal” vão iniciar após definição de diretrizes e atuação em campo de cada órgão.
Irregularidade nas ruas

Os fiscais de postura de Manaus encontram, nas notificações nas ruas, todo tipo de irregularidade, desde as obstruções com material de construção, ocupação com expositores de lojas, pequenas construções, e até mesmo obras inteiras e invasões instaladas em logradouros, onde o acesso deveria ser público, mas acaba apropriado por particulares.

“O Implurb atuará na fiscalização das calçadas, o que já faz parte da nossa rotina no órgão, além de buscar novas formas de instruir a população e definir políticas públicas de incentivo. Em Manaus encontramos todos os tipos de desconformidades nos logradouros, de pisos fora do padrão, invasões e um sem número de obstáculos, fora quesitos estruturais. Ainda temos questões culturais, de muitos tomarem as calçadas como extensão de suas residências, comércios”, explica o presidente do Implurb, Roberto Moita.

A Prefeitura de Manaus tem investido na implantação, recuperação e construção de novas calçadas, totalizando, só em 2014, 13 mil metros quadrados em passeios e logradouros, com destaque para as obras realizadas desde a avenida Djalma Batista, quadrilátero da Copa, Centro  entorno do Mercado Adolpho Lisboa, Jorge Teixeira e mais recentemente na Manaus Moderna, onde está em execução projeto de requalificação.

O Disk Ordem do Implurb, que funciona para receber denúncias, atende no 161, em horário comercial, ou no (92) 3625-5340. Só o Disk Ordem, em 2014, recebeu 1.055 denúncias relacionadas à infração.

+ Amazonas

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.