CPI da Saúde anuncia mudança nas investigações após operação da PF no Amazonas

Por Portal do Holanda

30/06/2020 16h23 — em Amazonas

Foto: Reprodução/TV Holanda

Manaus/AM - A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Saúde, na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), anunciou, na tarde desta terça-feira (30), durante coletiva de imprensa, que vai mudar o andamento das investigações após a Operação Sangria da Polícia Federal que foi deflagrada hoje para apurar fraudes na compra de respiradores. O presidente da CPI, deputado Péricles Nascimento (PSL), apresentou um resumo de tudo que a CPI já havia colhido de informações sobre a compra superfaturada dos equipamentos hospitalares. 

Péricles depois informou que a CPI deixará as investigações sobre a compra de respiradores a cargo apenas da Polícia Federal e que a Comissão passará a investigar outros contratos e possíveis irregularidades realizadas pela Secretaria de Saúde do Amazonas (Susam), em meio à pandemia do novo coronavírus (Covid-19). 

As novas linhas de investigação devem focar em irregularidades nos processos indenizatórios da Susam com 16 empresas terceirizadas; dispensas de licitação; contrato de parceria público privada do Hospital Delphina Aziz; e contratos superfaturados nos serviços de lavanderia do hospital de campanha da Nilton Lins, assim como o aluguel da unidade hospitalar.

Conforme os membros da CPI, essas investigações possuem valores ainda maiores de possíveis desvios de recursos da saúde.  

Confira o pronunciamento dos membros da CPI: 


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Amazonas