Cine Casarão garante meia-entrada com a apresentação do cartão de vacinação

Por Portal do Holanda

23/07/2021 15h38 — em Agenda Cultural

Foto: Pixabay

 
Manaus/AM - Nesta sexta-feira (23), sábado (24) e domingo (25), o Cine Casarão, espaço dedicado à Sétima Arte do Casarão de Ideias, garante meia-entrada em todas as sessões para aqueles que apresentarem o cartão de vacinação com doses registradas do imunizante de combate à Covid-19.

De acordo com João Fernandes, diretor do local, a iniciativa visa fomentar a vacinação e movimentar a cultura local. “Foi uma forma que encontramos de incentivar a vacinação daqueles que moram em Manaus e, claro, chamarmos a atenção para a programação do Cine Casarão que está imperdível”, comenta ele.

O longa-metragem ‘Música Para Quando as Luzes se Apagam’, do diretor Ismael Caneppele, será exibido nesta sexta-feira, às 18h30, com reexibição no domingo, às 16h30.

Flutuando entre documentário e ficção, o filme fala sobre uma escritora (Julia Lemmertz) que entra na vida de Emelyn Fischer, levando questões sobre gênero, sexualidade e o lugar do corpo no mundo. Os ingressos para todas as sessões podem ser adquiridos de antecipadamente no perfil do espaço cultural, no Instagram (@casaraodeideias), ao preço de R$ 12 (inteira) e R$ 6 (meia). 

Ainda na programação Cine Casarão, nesta sexta, às 16h30; no sábado, às 18h30 e no domingo, às 18h30, o documentário sobre a vida do vocalista da banda Charlie Brown Jr., Chorão, será reexibido. 

Também no sábado, às 16h30, ‘Chão’, de Camila Freitas também será reexibido. O longa apresenta uma visão da rotina cotidiana do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, que se divide entre cultivar a terra, ativismo político e conversar sobre como seria um futuro melhor.

Protocolos

Vale ressaltar que a sala de exibição do Cine Casarão está funcionando com 50% de sua capacidade, ou seja, apenas 18 lugares. Também está sendo colocada em prática a triangulação de assentos, proporcionando assim o distanciamento seguro.

No intervalo de cada sessão, é feita a aplicação com luz de ozônio e vídeos institucionais, no início dos filmes, são exibidos com o objetivo de reforçar a prevenção contra o novo coronavírus (Covid-19). O uso da máscara é obrigatório


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Agenda Cultural