Siga o Portal do Holanda

Policial

Família descobre estupro coletivo de adolescente por vídeo no whatsapp

Publicado

em

Uma adolescente de 12 anos foi estuprada por pelo menos quatro homens após uma festa na Baixada Fluminense, no Rio de Janeiro, na semana passada. Segundo a polícia, o crime ainda foi filmado e compartilhado através do WhatsApp centenas de vezes. 

De acordo com o G1, a garota não contou o caso a ninguém e a família só descobriu na última sexta-feira (5), porque um parente recebeu a filmagem e teria reconhecido a menor.

No vídeo de pouco mais de um minuto, é possível ver quando a moça é cercada por quatro homens nus, enquanto um quinto filma a ação. A adolescente grita e tenta esconder o rosto, quando um dos estupradores fala: "Cala a boca, se alguém ouvir sua voz vai saber que é tu." Outro fala: "Tapa o rosto da novinha."

Em depoimento a Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (Dcav) , a vítima contou que foi a festa e acabou sendo convencida por um dos homens a ficar um pouco mais, em seguida foi violentada. Com medo, ela não contou a ninguém o que aconteceu, segundo ela, os autores do estupro coletivo tem ligação com traficantes e a juraram de morte, caso ela os denunciassem.

A polícia tenta descobrir agora, o endereço da casa onde aconteceu o crime, para encontrar pista sobre os suspeitos. Em maio do ano passado, um caso semelhante, ocorrido também no Rio de Janeiro, chocou o Brasil e terminou com a prisão de três homens. 

O Fantástico, o caso Valeiko e a frustração dos que queriam 'incendiar' Manaus

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.