O Governo do Amazonas vai apresentar, no dia 21 de março, o projeto do Programa Social e Ambiental dos Igarapés de Manaus (Prosamim) da comunidade São Sebastião, no bairro Petrópolis, zona Centro-Sul.

O anúncio foi feito na segunda-feira (25), no auditório da igreja Santa Catarina de Sena, pelo líder do governo na Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM), deputado Sinésio Campos (PT), em reunião com representantes do Movimento Pela Moradia Digna, Comissão Ampliada de Moradores de São Sebastião, da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) e da Unidade Gestora do Prosamim, da zona Centro-Sul.

De acordo com o governista, a data foi sugerida pelo governador Omar Aziz e confirmada pela secretária da Seinfra, Valdívia Alencar, que está em Brasília (DF). Sinésio disse que o encontro vai servir para orientar os moradores da comunidade sobre as etapas do início do Prosamim, como por exemplo, o trabalho de topografia do local, levantamento físico-territorial das residências e o cadastro sócio econômico das famílias do trecho do igarapé de São Sebastião, que vai do Instituto de Pesquisa da Amazônia (Inpa), no bairro Aleixo, zona Centro-Sul, até a rua Coronel Ferreira de Araújo, no Petrópolis.

O encontro reuniu mais de 80 pessoas e contou com a presença dos vereadores Waldemir José  (PT) e Elias Emanuel (PSB). No local ficou acertado que o projeto será apresento no dia 21 de março, às 19h, no auditório da igreja Santa Catarina de Sena, com a participação da secretária da Seinfra e do coordenador do Prosamim, Frank Lima. “O meu mandato tem sido pautado pela defesa da moradia digna e hoje, orientados pelo governador (Omar Aziz), estamos aqui fechando um compromisso com a comunidade de São Sebastião”, disse o líder do Governo.

O deputado lembrou que, por onde o Prosamim passou, nos bairros Morro da Liberdade, Educandos e Cachoeirinha, zona Sul, “a população amazonense já viu e aprova as mudanças nas áreas da saúde, educação, social e segurança pública”. Além do bairro Petrópolis, o Governo do Amazonas iniciou o trabalho de recuperação do igarapé da bacia do São Raimundo, zona Oeste, e acelerou a retirada das casas do Prosamim II no trecho do bairro Betânia e do Igarapé do Quarenta, zona Sul.

A assistente social da Seinfra, Simone Malaquias, disse que, o governo também iniciou o trabalho de cadastro sócio econômico das famílias do igarapé da Cachoeira Grande, no bairro São Jorge, zona Oeste. “Toda a equipe do governo do Estado é agente facilitador do projeto e estaremos no dia 21 de maço para apresentar o projeto e ouvir todos os moradores”, disse. Ela lembrou que, o diálogo com a comunidade é muito importante no processo de retirada das famílias das áreas de risco.

NULL


assuntos Política Local  

Quer anunciar?

Clique aqui e solicite nosso Mediakit.

Você pode também conferir o certificado de auditoria
clicando no botão abaixo.

Portal do Holanda é auditado pelo IVC