Secretário da Fifa diz que braileiros precisam de chute no traseiro

03/03/2012 às 1h05

O secretário-geral da Fifa, Jerome Valcke, disse nesta sexta-feira que está preocupado com os preparativos do Brasil para a Copa do Mundo de 2014.

Valcke disse a jornalistas na Inglaterra que a construção de estádios e de infraestrutura de transportes e hotéis para os torcedores está atrasada.

O dirigente afirmou ainda que poucas coisas estão funcionando no Brasil, que os organizadores precisam de "um chute no traseiro" e que o Brasil parece estar mais preocupado com ganhar a Copa do que com organizá-la.

'Discussões infindáveis'

Valcke, que está na Inglaterra para a reunião anual do conselho legislador da Fifa, fez duras críticas à Lei da Copa - que tramita na Câmara dos Deputados - e à lentidão da organização brasileira, segundo agências de notícias.

"O que é a Copa do Mundo para o Brasil, organizar a Copa ou vencer a Copa? Eu acho que é vencer a Copa. Quando você pensa na África do Sul, eles estavam mais preocupados em organizar do que em vencer", disse o oficial, citado pela AP.

Ele afirmou estar "frustrado" com o que chamou de "discussões infindáveis" no Congresso brasileiro sobre a Lei da Copa, que críticos dizem que dá muitos poderes e poucas responsabilidades à Fifa.

NULL

Rádio Portal do Holanda

Curta o Portal no Face