Vídeo com rebelde sírio comendo coração de soldado revolta países

15/05/2013 às 16h43

Um vídeo de um rebelde sírio cortando o coração de um soldado e o comendo é o retrato de uma guerra civil que provocou ódio sectário e mortes por vingança, denunciou a Human Rights Watch nesta segunda-feira. O grupo, com sede em Nova York, disse que um vídeo amador postado na internet no domingo mostra Abu Sakkar, um dos fundadores do rebelde Farouq Brigad, cortando o coração de um soldado morto. As fortes imagens provocaram indignação não só entre partidários do presidente Bashar al-Assad, mas também preocupação entre grupos de defesa dos direitos humanos.

CENAS FORTES: Se você tiver o coração fraco, não clique para ver o vídeo

- Juro por Deus que vamos comer seus corações e seus fígados, soldados do cão Bashar - diz o homem no vídeo, segundo o grupo.
 


NULL

Rádio Portal do Holanda



Curta o Portal no Face