Siga o Portal do Holanda

Crime foi em 2017

Professor de capoeira suspeito de matar mototaxista é preso no Amazonas

Publicado

em

Foto: Reprodução

Um professor de capoeira de 30 anos, foi preso na noite de quinta-feira (5) suspeito do assassinato do mototaxista Francisco Magalhães da Silva, que tinha 30 anos. O crime ocorreu no dia 29 de setembro de 2017, na Estrada da Estramar, em Manacaru, interior do Amazonas.

Segundo a Polícia Civil,o professor já possuía um mandado de prisão pelo crime, que foi expedido em agosto deste ano. O suspeito estava foragido e teria se internado em uma clínica reabilitação, mas retornou ao município e estaria dando aulas de capoeira. Uma campana foi montada e a prisão realizada. Ele foi levado a delegacia de Manacapuru, onde irá prestar esclarecimentos e ficará a disposição da Justiça

Relembre o caso

Francisco teria recebido uma chamada para pegar um passageiro, que pediu que fosse levado até o bairro Novo Manacá, nas proximidades da Usina. Ao chegar ao local, o suspeito teria se armado de uma faca e anunciado o assalto. Francisco teria corrido para não entregar o veículo e o dinheiro, mais foi alcançado e atingido com três golpes. O suspeito teria fugido com a moto.

Testemunhas relataram que encontraram o mototáxi jogado e o socorreram levando a pé para o hospital Lázaro Reis, em Manacapuru. Em seguida, o homem foi levado para o Hospital João Lúcio, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade hospitalar.

As crianças que perdemos

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.