Siga o Portal do Holanda

Esportes

Thiago Neves bate de frente com Ceni e perde status de intocável no Cruzeiro

Publicado

em

BELO HORIZONTE, MG (UOL/FOLHAPRESS) - Em questão de semanas, desde a chegada de Rogério Ceni, o status de Thiago Neves mudou drasticamente dentro do Cruzeiro. Sempre tratado, desde sua contratação, como jogador que faz a diferença, o meia agora se vê sob ameaça de ser afastado do elenco enquanto o clube tenta se distanciar da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

A relação entre o o atleta e o novo treinador do clube começou de forma positiva. Thiago elogiou o estilo do novo treinador e deu indícios de que uma parceria de sucesso estaria encaminhada. Foi só uma primeira impressão.

Após a queda do time pela semifinal da Copa do Brasil, o meia manifestou reprovação em relação a alterações e improvisações promovidas na escalação contra o Internacional. Afirmou, ainda, que as mudanças teriam sido comunicadas de última hora ao elenco. O último trecho, em especial, desagradou a Ceni, que rebateu.

O técnico já fez uma reunião com a diretoria para tratar dos deslizes do meia. Agora, Thiago corre o risco de perder espaço na equipe. Ele pode ser incluído numa lista de atletas que, na visão de Ceni, poderiam ser deslocados para um período de treinamentos no CT do clube até adquirir melhor forma física. Seria uma nova intertemporada para o grupo, mesmo depois da paralisação do Campeonato Brasileiro para a disputa da Copa América.

Apresentado no dia 10 de agosto, Rogério Ceni pôs em prática um estilo bem mais ofensivo em relação ao aplicado pelo antecessor, Mano Menezes. Na estreia, veio a vitória por 2 a 0 contra o Santos, ocasião em que Thiago marcou um gol e deu uma assistência.

Ainda naquele dia, o meia declarou que tinha liberdade para jogar mais solto com o novo sistema, o que favorecia seu futebol. Disse ainda que essa era a forma como o time e a torcida gostariam de ver o Cruzeiro, dando a entender que não estava satisfeito com a filosofia de Mano. Dias depois, voltou a elogiar Ceni, comparando-o com Renato Gaúcho.

A partir da decisão contra o Internacional, na Copa do Brasil, porém, o tom mudou por completo. Thiago criticou publicamente as mudanças de Rogério Ceni. A declaração não foi bem recebida. Aliada ao futebol aquém do esperado num jogo decisivo, o meia acabou virando o principal alvo da torcida em protestos na porta da sede e da Toca da Raposa.

O diretor de futebol Marcelo Dijan agora tenta contornar a situação."Conversamos com ele em particular. O Thiago é um dos nossos melhores jogadores, deu uma entrevista de cabeça quente, às vezes acontece. No calor de uma partida, há essa decepção de quem poderia estar jogando a terceira final consecutiva (de Copa do Brasil). Mas isso está solucionado, foi conversado internamente. Contamos com ele, o Thiago é muito decisivo para nós", afirmou o cartola.

A despeito do apoio de Dijan, ainda é possível que o jogador seja indicado para um período de regeneração na Toca da Raposa. Nenhum jogador do atual elenco será afastado, mas Rogério Ceni pretende colocar alguns atletas para ficar mais tempo na Toca da Raposa a fim de aprimorar a parte física. O clube não divulga quem são esses jogadores, mas Thiago, Robinho, Fred e Edilson estão entre os mais cotados.

Nesta semana, a tendência é que o treinador feche todos os treinamentos da Toca da Raposa. Fica, por ora, um mistério sobre a lista, que pode ser desvendada no próximo sábado (14), quando o Cruzeiro visita o Palmeiras, no Allianz Parque.

Facções criminosas com poder de influenciar eleição para prefeito de Manaus

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.