.
Siga o Portal do Holanda

Esportes

Com Neymar expulso no fim, PSG vence o Bordeaux em jogo de sete gols

Publicado

em

O mau exemplo do coronel Menezes


SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Fechando a 26ª rodada do Campeonato Francês, o Paris Saint-Germain recebeu o Bordeaux no Parque dos Príncipes neste domingo (23). Apesar de começar o jogo atrás, a equipe de Thomas Tuchel conseguiu a vitória por 4 a 3.

Vindo de uma derrota para o Borussia Dortmund na Liga dos Campeões, e pressionado após o vazamento de vídeos da comemoração de aniversário de Di Maria, Icardi e Cavani, que desagradou inclusive o técnico Thomas Tuchel, o PSG sofreu alguns sustos com o Bordeaux e acabou perdendo Neymar nos minutos finais.

Ainda aos 15 minutos do primeiro tempo, Thiago Silva se lesionou sozinho, fora da disputa da bola, e teve que ser substituído. No lugar do zagueiro brasileiro, entrou Idrissa Gueye.

Na primeira chance de gol dos visitantes, o sul-coreano Hwang Ui-Jo abriu o placar. No lance, que aconteceu aos 17 minutos do primeiro tempo, Basic cobrou escanteio e Hwang subiu livre na pequena área para finalizar no gol Sergio Rico, que substituiu Keylor Navas, poupado.

Apenas cinco minutos depois, Cavani desviou a bola cruzada por Di María, mas Benoît Costil se esticou e espalmou pela linha de fundo. Já aos 24, o uruguaio tentou de cabeça de novo e, dessa vez, não deu para o goleiro do Bordeaux. O camisa 9 se movimentou entre dois zagueiros e subiu livre para cabecear no canto esquerdo do gol e empatar o placar em 1 a 1. Esse foi o gol de número 200 do jogador com o PSG.

Até o árbitro sinalizar o fim da primeira etapa, o PSG ainda tentou chegar ao gol adversário mais vezes para ampliar a vantagem, e conseguiu com Marquinhos. O zagueiro brasileiro bateu de ombro o cruzamento de Di María e fez o segundo dos donos da casa. O lance chegou a ser revisado, mas o gol foi confirmado.

Mas, em uma falha de Sergio Rico, o Bordeaux igualou o placar antes de ir ao vestiário. Aos 50 minutos, Verratti recuou para o goleiro do PSG na fogueira e, após um chute forte, a bola explodiu em Pablo e entrou.

Por reclamação na jogada, Neymar e Cavani foram advertidos com cartões amarelos.

Na segunda etapa, o Bordeaux seguiu dando trabalho para a defesa do PSG. Logo aos seis minutos, Hwang, autor do primeiro gol da partida, finalizou cruzado e a bola saiu rente à trave. Seis minutos depois, Rico foi acionado de novo e acabou fazendo uma bela defesa.

Vivendo um dia de atacante, Marquinhos marcou o gol do desempate. Aos 17, o então capitão pegou a bola na sobra da finalização de Cavani e mandou para o gol vazio de Costil.

Cinco minutos depois, em um erro na saída de bola dos visitantes, Mbappé fez o seu. O camisa 7 tocou para Cavani, recebeu a devolução completamente livre e só empurrou para o fundo do gol, fazendo 4 a 2 para o PSG.

Diminuindo a vantagem do PSG e fechando o placar, Rubén Pardo lançou uma bomba de fora da área e acertou o ângulo direito para marcar o terceiro dos visitantes. Icardi ainda teve um gol anulado aos 43, mantendo o placar em 4 a 3.

Marcando o primeiro cartão vermelho do PSG na temporada atual, Neymar foi expulso. O segundo cartão amarelo veio quando o brasileiro se irritou com a entrada de Sabaly e cometeu falta em Adli. O atacante ainda deixou o campo aplaudindo, com ironia, a decisão do árbitro.

Com o resultado, a equipe do Parque dos Príncipes chegou a 14 jogos de invencibilidade e 65 pontos na liderança da competição nacional. Agora, o PSG só volta a campo no próximo sábado (29). Pela 27ª rodada do Campeonato Francês, a equipe de Neymar e companhia recebe o Dijon. No mesmo dia, o Bordeaux encara o Nice.




Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.