Siga o Portal do Holanda

Famosos & TV

Whindersson Nunes fala sobre depressão em meio a polêmica com Carlinhos Maia: 'Estou ficando bem'

Publicado

em

Foto: Reprodução/Instagram

Em meio à polêmica com o influenciador Carlinhos Maia, o youtuber Whindersson Nunes desabafou sobre os momentos difíceis que enfrentou nos últimos meses por conta de uma depressão.

“Hoje eu posso dizer que estou ficando muito bem, estou fazendo terapia, minha mulher está me ajudando muito, porque mês passado, meu amigo, não desejo a ninguém. Eu estava trabalhando demais. A gente tem metas e quer bater, mas às vezes a gente se atropela e eu entrei numa paranóia muito grande”, disse em seus stories do Instagram, publicados na madrugada desta sexta-feira, 24.

Na última quinta-feira, 23, os influenciadores digitais usaram o Twitter para discutir em público. A briga se originou por conta do não comparecimento de Whindersson no casamento de Carlinhos, para o qual havia sido convidado para ser padrinho. Após a discussão, Carlinhos Maia desativou seu perfil no Instagram e no Twitter.

“Muita gente não entende quase nada sobre esse assunto. O sentimento que eu senti era mais ou menos isso, não ter amor pela vida. Graças a Deus eu achei rápido meu caminho de volta pra casa. Eu estava trabalhando demais e não estava tendo tempo pra viver. Como é que eu ia gostar da vida se eu não estava vivendo?”, desabafou.

Em outra publicação, ele divulgou um print mostrando que o perfil de Carlinhos Maia teria curtido o comentário de uma usuária ironizando um tuíte de Whindersson com risos: "Oxe, não era ele que tava com depressão?".

Nos stories, Whindersson Nunes ainda revelou que se afastou de Maia após algumas atitudes lhe deixarem chateado. Quando houve o pedido para ser padrinho de casamento de Carlinhos e Lucas, ele estranhou: “Padrinho de casamento é uma pessoa próxima, a quem você pede conselho. Como é que eu vou dar conselho na vida de uma pessoa que eu não tô [sic] muito por dentro?”.

Aos seguidores que questionaram o por quê de não ter avisado Carlinhos com antecedência, Whindersson respondeu: “Quando que eu ia falar? Como é que eu digo? Eu cheguei pra falar com ele, disse que não estava me sentindo bem e não me sentia um padrinho, porque pra mim é uma coisa muito importante. Ele me bloqueou. Eu não estava fazendo nada, não briguei com ninguém”.

Depois da polêmica, Maia lhe desbloqueou do WhatsApp e os colegas puderam conversar. “Ele falou comigo, pediu desculpas e foi super humilde. Acho que agora ele deve ter tomado algum choque de realidade, porque eu não entendi mesmo e eu não tô [sic] me fazendo de doido”, completou Whindersson.

Agenda oculta de Bolsonaro: acabar com a Zona Franca de Manaus

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.