Siga o Portal do Holanda

Saúde e Bem-estar

Pode comer ovo cru? Nutricionistas respondem

Publicado

em

Foto: Pixabay

O ovo é um dos alimentos de origem animal com mais benefícios para a saúde. Ainda cru, oferece três gramas de proteína, vitamina A, B2, B5, B12 e E, minerais e ainda antioxidantes que atuam a favor do sistema imunológico, do cérebro, dos olhos e da pele.

Segundo o Notícias ao Minuto, Heather Mangieri, porta-voz da Academia de Nutrição e Dietética dos Estados Unidos, diz que consumir ovo cru - ou com a gema ainda crua - compromete também a capacidade do organismo absorver a biotina (uma vitamina do complexo B), podendo, a longo prazo, trazer alguns problemas de saúde.

Ainda segundo a publicação, além de serem menos digeríveis, os ovos crus portam um sério risco de contaminação de bactérias - mesmo quando a casca não é partida na taça ou recipiente em que a clara e a gema são colocadas. "O principal risco de consumir ovos crus ou pouco cozidos é a infecção por Salmonela, que causa sintomas de intoxicação alimentar, como cólicas, diarreia, náuseas, febre e dor de cabeça", explica a dietista Lauren Antonucci, que revela ainda que os sintomas podem aparecer apenas 48 horas depois de comer o ovo cru e perdurar por cerca de sete dias.

Apesar de a ação nociva da Salmonela apenas desaparecer com o calor da cozedura, há uma forma de continuar a comer ovos crus, minimizando ligeiramente os riscos. Diz a especialista que "os ovos pasteurizados são a escolha mais segura quando se trata de comer ovos crus", esclarece a especialista, destacando a importância de não consumir ovos com a casca rachada.

HC para o uso de minissaia no interior do Amazonas

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Conheça a história de Manaus e dos municípios do Amazonas


Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.