×
MENU
Globo pauta Amazonas na Lava Jato

Globo pauta Amazonas na Lava Jato

As delações que mexeram com o mundo politico na última semana também serviram para alavancar a audiência  dos telejornais. A Globo, por exemplo, pautou o Amazonas depois que dois senadores se estranharam pelas redes sociais acusando um ao outro de irregularidade nas obras da Ponte Rio Negro. É um assunto que não se esgota. 

PF INVESTIGA PROPINA NA ARENA

As denúncias de pagamento de propina nas obras da Arena Amazônia e Prosamim, feitas por delatores da Andrade Gutierrez, já são alvos de investigação da  Polícia Federal. A coisa andou...

A VEZ DA DPE      

Na presença do defensor geral Rafael Barbosa, o deputado Serafim Corrêa (PSB) anunciou uma emenda à próxima Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) elevando de 1% para 2% o repasse orçamentário da Defensoria Pública do Estado do Amazonas(DPE-AM).

@@@

O atual orçamento da DPE é da ordem de R$ 66 milhões. O aumento  acrescentará em torno de R$ 3,5 milhões à nova receita, importante para resolver o velho problema da falta de defensores no interior.

TCE VAI PERDER

Segundo Serafim Corrêa, a mesma emenda que ele tentará emplacar à próxima LDO, beneficiando a DPE, também  conterá dispositivo diminuindo de 3% para 2% a fatia orçamentária do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM).
De 2016 para 2017, o orçamento da Corte de Contas caiu de R$ 264,8 milhões para R$ 237,7 milhões, o que leva a crer que os conselheiros não ficarão calados ante a emenda.
  
BBB MEXE COM DEPUTADOS

A advogada amazonense Vivian Amorim, segunda colocada do programa BBB 17, da Globo, causou alvoroço ontem na Assembleia Legislativa, onde mereceu uma sessão especial no plenário da casa. Por proposta do líder do governo Sabá Reis, Vivian recebeu um certificado de Honra ao Mérito e uma indicação para receber a medalha “Ruy Araújo”, que é a honraria maior do legislativo.

IGREJA DIVIDIDA

A ‘briga’ entre o deputado pastor Wanderley Dallas e o deputado bispo Silas Câmara, da Igreja Assembleia de Deus, culminou com a ‘debandada’ de Dallas para outro templo, mais modesto, porém com a mesma denominação – a Igreja Assembleia de Deus Tradicional. Ontem
Dallas disse que lhe causou muito desgosto a forma com que os  Câmara administram a maior congregação evangélica do Amazonas.