Siga o Portal do Holanda

Tecnologia

Aplicativo ‘Laví’ facilita vida de portadores de paralisia cerebral

Publicado

em

App criado na Fucapi ajuda comunicação de

portadores da paralisia com família e cuidadores


A cada mil crianças nascidas vivas, sete são portadoras de Paralisia Cerebral no Brasil. Os dados estimam cerca de 30 mil a 40 mil novos casos por ano, mas não há estudos conclusivos a respeito. Com base nisso, foi criado em Manaus o Aplicativo (App) ‘Laví, capaz de ajudar pessoas com paralisia cerebral, facilitando a comunicação dos mesmos com a família e cuidadores. A ideia e desenvolvimento partiu de alunos do Projeto BEPiD (Brazilian Education Program for iOS Development) da Fucapi.

O estudante do 4º período de Engenharia da Computação da Faculdade Fucapi, Kevin de Oliveira, explicou que o aplicativo foi desenvolvido para ser usado no smartphone e no tablet. No formato voltado para IPhone (smartphone), o app é direcionado para cuidadores e familiares que podem monitorar os pacientes/usuários de maneira personalizada e simplificada. “Já no tablet, a pessoa com paralisia cerebral pode acessar o app para indicar aos seus cuidadores e familiares qual atividade ou qual necessidade gostaria que o ajudasse, tal como: tomar banho; Ir ao banheiro; dormir; beber água; ler; brincar; comer; assistir TV; abraçar; escutar música’, detalhou.

O app ‘Laví’ permite que o usuário, com necessidades especiais e que não fala por limitação da paralisia, expresse por meio das ilustrações o que quer fazer e o que precisa. As ações são ativadas pelo simples toque com a emissão do áudio da respectiva atividade. Além dessas tarefas, o aplicativo também oferece opções da demonstração de sentimentos: feliz; triste; doente e cansado.

O aplicativo já está disponível gratuitamente na app store para iOS e em em breve disponível em seis idiomas: português, inglês, espanhol, japonês, russo e chinês para atingir o maior número possível de pessoas que precisem no mundo.

A interface do app foi pensada pela estudante do 8º período de Design da Faculdade Fucapi, Valéria Romano. “Utilizamos cores primárias para facilitar a visualização pelos usuários e o ícones aplicados foram os mais próximos da realidade possível”, frisou ela.
O que é paralisia cerebral?

Paralisia Cerebral (PC) é um termo geral que engloba manifestações clínicas muito variadas, que têm em comum a dificuldade motora em consequência a uma lesão cerebral. 

Para que uma criança com dificuldade motora tenha o diagnóstico de PC, é necessário:

- Que a lesão neurológica tenha acontecido durante a fase de desenvolvimento do sistema nervoso central (SNC) (fase que vai desde o momento da concepção até os 2 anos de idade).

- Que a lesão neurológica não seja uma lesão progressiva. A criança vai apresentar mudanças decorrentes de seu crescimento e amadurecimento, mas a lesão em si é estacionária, ou seja, não vai piorar e também não vai desaparecer.
 
Paralisia cerebral em números

- 17 milhões de pessoas com PC no mundo

- Austrália: A cada 15hrs uma criança australiana nasce com paralisia cerebral, paralisia cerebral é a deficiência mais comum na infância, 37.000 pessoas estão vivendo com CP na Austrália.

- China: aproximadamente 310.000 crianças com PC

- Europa: 2 a cada 1000 bebês nascidos.

- Estados unidos: 3.3 a cada 1,000 ou 1 em 303 crianças de 8 anos de idade.

Brasil: 30 mil a 40 mil novos casos por ano de PC. (2002)

Se os que morreram em novo massacre no Compaj falassem...

Para compartilhar esteconteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.


Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.